sábado, 3 de março de 2012

Filetes de Pescada com Crosta Crocante em Cama de Legumes

Com a idade, os nossos gostos tendem a transformar-se,  a amadurecer e até a aprimorar-se e requintar-se, conforme o nosso estilo de vida e a realidade que nos rodeia. Coisas que em tempos nos faziam engelhar o nariz, são agora acolhidas com todo o deleite e satisfação, que nos faziam estremecer e até fugir, fazem-nos agora dançar e aplaudir...
Quando era pequena havia muitas coisas capazes de me colocar com a cara mais sofrida do mundo para a minha insistente mãe, que não se demovia enquanto eu pelo menos não provasse a iguaria que pacientemente aguardava no prato à minha frente. Depois de uma grande luta com o malvado garfo que continuava teimosamente a investir contra a minha obstinada boca, lá acabava por me deixar derrotar e, muitíssimo infeliz, permitia que a minha mãe empurrasse a grande garfada lá para dentro. Foi assim que em miúda descobri, com muita surpresa confesso, que afinal adorava filetes de pescada. De tal forma que se tornaram no meu prato predileto, sempre escolhido quando me era dada a possibilidade e sempre pedinchado quando não tinha a mesma sorte. Desde então que nunca deixei de gostar dos meus adorados filetes de pescada, tendo apenas vindo a transformar a sua forma de confeção para fugir um pouco aos fritos.
Hoje trago a receita que mais gosto e que mais sucesso faz cá em casa, pois para além de saudável fica simplesmente deliciosa!
Já publiquei uma versão aqui, mas desta vez fiz umas pequenas alterações e utilizei um resto de pão que tinha feito na máquina de fazer pão, com mistura de sementes e farinha de centeio. 

Ingredientes (2 pessoas):
1 cebola roxa
8 a 10 tomates cherry
a parte branca de um alho francês
1/2 pimento vermelho
1/2 pimento verde
2 filetes de pescada (para esta receita prefiro os frescos, pois absorvem melhor o sabor e são um pouco maiores do que os congelados)
sal e pimenta preta acabada de moer
1 colher de chá de noz moscada
1 colher de sopa de orégãos secos
1 colher de sopa de tomilho seco
1 colher de chá de colorau
azeite q.b.
1 bom pedaço de pão, de preferência do dia anterior (ou mais)
2 dentes de alho
1 ramo pequeno de salsa
3 ou 4 tomates secos (em azeite)
vinagre balsâmico q.b.

Ligue o forno a 200º.
Descasque a cebola, corte-a em rodelas e cubra o fundo de um tabuleiro refractário com elas. Arranje e corte o alho francês em rodelas, os pimentos em tiras, os tomates ao meio e disponha-os sobre a cebola.
Regue com um bom fio de azeite e coloque os filetes sobre os legumes. Tempere de sal, pimenta preta acabada de moer, a noz moscada, os orégãos, o tomilho, o colorau e regue com mais um fio de azeite.
Entretanto, num processador de alimentos (ou picadora), coloque o pão (sem côdea), os tomates secos, os dentes de alho picados (utilizo o esmagador de alhos), a salsa e pique tudo o mais finamente possível.
Cubra os filetes com esta mistura e borrife com um pouco de vinagre balsâmico (eu uso um spray).
Leve ao forno tapado com um folha de papel de alumínio e cerca de 10 minutos antes do final retire-a para tostar a cobertura de pão.
Sirva de imediato e bom apetite!

Para mim bastou só assim, mas para o meu marido fiz umas batatinhas fritas em rodelas:)
Parece-vos bem?

21 comentários:

  1. Pronto! Depois dessa delícia vc conseguiu me tirar o sono... Eu adoro um filezinho de pescada, aliás peixe eu adoro.E esse ficou bem especial... e vc ainda foi fazer batatas pro maridão? É o amooooor!!!beijkas

    ResponderEliminar
  2. Está fantástico querida, adorei :)

    Beijinhos MissB
    http://arcoirisnacozinha.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. Concordo plenamente contigo, eu também tinha as minhas esquisitices quando era miúda mas agora os alimentos parecem ter outro sabor :)

    Quanto à sugestão, adorei :)

    Bjokas e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  4. Concordo plenamente contigo, ao longo dos tempos e das situações da vida os nossos gostos vão mudando!!! E ainda bem que assim é pois já descobri tantas coisas novas que nem sei como um dia não gostei delas!!!
    O teu prato ficou lindo!!! Que maravilha =)
    Beijinhos e bom fim de semana

    http://fumonapanela.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Olá Alice!
    A mim parece-me muito bem! E como tu fico-me por isso e não preciso das batatas :)
    Concordo contigo. Os nossos gostos vão mudando com o tempo. Tanta coisa que eu não gostava em pequena e agora como de tudo (tirando certas carnes, mas isso é por opção). Consigo apreciar coisas que poderiam parecer estranhas antigamente. E era obrigada a comer, porque em minha casa não há cá esquisitices nem fazer dois pratos.
    Gosto de filetes, também prefiro se não for frito. Qualquer dia publico os que eu mais faço e gosto.
    Adorei a crosta dourada com os tomates secos, deve ficar deliciosa.
    Um beijinho e bom fim-de-semana querida vizinha.

    ResponderEliminar
  6. FICOU UMA DELICIA DE REFEIÇÃO.
    BOM FIM DE SEMANA
    BJS

    ResponderEliminar
  7. Tu com os filetes de pescada e eu com as favas...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. LOL, quando era miúda ficava na mesa enquanto não terminasse o almoço. Havia dias que o meu pai chegava para jantar e eu ainda estava sentada à mesa :p

    Também gosto muito de pescada mas confesso que tenho pouca tendência para a fazer no forno...

    ResponderEliminar
  9. Alice a tua sugestão está bastante convidativa
    :)

    ResponderEliminar
  10. Que maravilha=) E que boa sugestão para tornar a pescada mais atractiva cá em casa!! beijinhos e bom fds=)

    ResponderEliminar
  11. Olá!
    Criei à pouco tempo um blog, chama-se “magazine”.
    Gostava que o visitasses e talvez se gostasses, seguires.
    Fica aqui o link:
    inesblogmagazine.blogspot.com

    Espero que gostes, beijinho*

    ResponderEliminar
  12. Uma sugestão bem apetitosa, gosto muito do efeito crocante da broa.

    ResponderEliminar
  13. OLÁ ALICE!
    NADA MELHOR DO QUE UM PEIXINHO BEM TEMPERADO, GOSTEI MUITO DA SUA SUGESTÃO A SUA RECEITA É EXCELENTE, AINDA MAIS AGORA QUE ESTAMOS NA QUARESMA, OS PEIXES FICAM MAIS BEM VISTOS, APESAR QUE AQUI EM CASA ELE FAZ PARTE DO CARDÁPIO O ANO INTEIRO.

    BEIJINHOS.....♥

    ResponderEliminar
  14. é mesmo uma boa sugestao gostei muito muito boa bjs

    ResponderEliminar
  15. Excelente refeição Alice, um prato de peixe cheio de aromas e muito bem acompanhado pelos legumes, gosto imenso deste género de refeições.
    É verdade, graças a Deus, que o nosso processo de aprendizagem passa também por novos gostos:)
    Beijinhos e uma boa semana.

    ResponderEliminar
  16. Eu adoro estas legumadas sejam acompanhadas de k forma forem...
    Ficou óptimo o teu peixinho
    beijoca

    ResponderEliminar
  17. Mais uma bela sugestão de peixe. Faço uma cobertura com broa e tomate seco para uma receita de polvo que tenho de publicar um dia destes.

    ResponderEliminar
  18. Qe rico Alice, me lo apunto parece delicioso.

    ResponderEliminar
  19. Olá Alice,
    Como me revejo no seu texto e nos ingredientes, antes odiados e agora, inacreditavelmente amados, procurados e super "in"em alguns dos casos...
    Este seu prato de pescada tem um aspecto absolutamente divino e é, com toda a certeza, uma receita a ser testada cá em casa, pois tenho a certeza que será aprovadíssima.
    Beijinhos e boa semana,
    Lia.

    ResponderEliminar
  20. Uma boa sugestão para um peixinho.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  21. É verdade querida Alice...Os nosso palato vai alterando...E de que maneira!!!! E dizer que eu fui uma criança muito dificil no que toca à alimentação..Hoje quase que é preciso "bater-me" Para parar de comer!!!Hehehe!
    De facto acho que pescada é daquelas coisas que se gosta, e eu gosto e muito, aliás, peixe foi uma das coisas que já gostava quando nasci!!!....
    Mas deixa-me dizer-te que essa pescada devia estar soberba!!! Parabéns e uma bjoca!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...